Polícia Civil de Santa Cruz impede roubo de carreta e sequestro de motorista

09/05/2019

 

Caminhão com placas do Rio de Janeiro foi abordado pela Polícia Rodoviária. Mensagens no celular do condutor ‘entregaram’ sequestro em andamento.

 



A Polícia Civil de Santa Cruz do Rio Pardo solucionou um caso de roubo e sequestro na manhã desta quinta-feira, 09, que envolveu pelo menos três Estados do país.

De acordo com delegado Renato Caldeira Mardegan, na tarde da última quarta-feira por volta das 15h uma carreta frigorífica de propriedade de uma transportadora, com placas do Estado do Rio de Janeiro, sem carga, foi abordada pelos policias Rodoviários na praça de pedágio da SP 327, Rodovia Orlando Quagliato, com suspeita de se tratar de produto de furto.

Os policiais Rodoviários haviam sido alertados pelo dono da transportadora, que estranhou o fato do veículo não ter chegado ao destino, e ao fazer o rastreamento do caminhão, percebeu que apenas o rastreador da parte traseira da carreta estava funcionando e indicando a localização na região.

 

Receba nossas notícias diretamente em seu WhatsApp. Clique aqui e se cadastre! 

 

Avisados da possibilidade do crime, os Rodoviários se depararam com carreta e abordaram o condutor. O homem disse que não tinha muitas informações, já que havia recebido R$600 de um sujeito chamado “Paraguai” que o contratou para dirigir o caminhão de Caçapava (SP) até Dourados (MS).

Ao averiguar o veículo, os investigadores da polícia Civil estranharam a falta do rastreador que fica na cabine, bem como os selos do “Sem Parar” que tinham sinais de que haviam sido arrancados. 

O delegado então, entrou em contato com o proprietário do caminhão, que confirmou que tanto veículo como motorista haviam sumido, o que intrigou ainda mais os investigadores locais.

Mas, um fato começou a chamar a atenção dos policiais, enquanto aguardavam por mais informações sobre o caso, o celular do homem abordado, não parava de tocar, e ao ser conferido pelos agentes, mediante autorização do mesmo, ficou constatado que “Paraguai” estava tentando contato com o motorista através de mensagens.

Em posse do telefone, rapidamente constatou-se que o veículo havia sido roubado de um motorista na região de Caçapava (SP) e que o mesmo estava sendo mantido em cativeiro por outros bandidos da quadrilha.

Confira abaixo o desfecho do caso na entrevista concedida pelo delegado Renato Mardegan, ao jornalista Diego Singolani da rádio 104 FM, na manhã de hoje.

 

 

Fique sempre por dentro das  Notícias em Santa Cruz atualizadas diariamente através do aplicativo ACHEI SANTA CRUZ , basta clicar na imagem abaixo que você será redirecionado a loja de aplicativos de seu smartphone!

 

 

Notícias Relacionadas