Marido chamou a PM e se disse arrependido após matar mulher com ‘enforca-gato’

09/09/2019

 

Homem usou abraçadeira de plástico para enforcar esposa em Botucatu (SP).

 




O homem acusado de matar a própria esposa estrangulada com um ‘enforca-gato’ em Botucatu (SP) chamou a polícia depois de fugir para cidade vizinha de Itatinga (SP). Segundo a polícia, o acusado ligou para a Polícia Militar e disse que estava arrependido do crime.

O assassinato de Aline Aparecida da Silva, de 28 anos, aconteceu na tarde do último sábado, 07, na casa onde ela morava com o companheiro e os filhos, no bairro Vila Mariana.

De acordo com a polícia, Davi Tobias de Oliveira, de 33 anos, usou uma abraçadeira de plástico, popularmente conhecida como enforca-gato, para estrangular Aline, que morreu no local.

Davi pretendia ir para a casa dos pais, mas ligou para eles para contar sobre o crime, dizendo que deixaria o carro em um posto de combustíveis e iria chamar a Polícia Militar para se entregar.

 

Receba nossas notícias diretamente em seu WhatsApp. Clique aqui e se cadastre!  

 

Após acionar os policiais, Davi foi preso em flagrante. Ele passou por audiência de custódia na tarde do último domingo, 08, teve a prisão em flagrante convertida em preventiva.

Para a polícia, o homem disse que matou a esposa por ciúmes, depois de chegar em casa do trabalho e a ver conversando com outro homem na rua de casa.

Aline trabalhava em um supermercado em Botucatu. O enterro dela foi na tarde de domingo, no Cemitério da Saudade em Itatinga.

 
Vítima tinha 28 anos e trabalhava em um supermercado em Botucatu — Foto: Arquivo pessoal


Conteúdo: G1
 

 

Fique sempre por dentro das  Notícias em Santa Cruz atualizadas diariamente através do aplicativo ACHEI SANTA CRUZ , basta clicar na imagem abaixo que você será redirecionado a loja de aplicativos de seu smartphone!

 

 

Notícias Relacionadas