Homem troca carro da família por drogas e caso vai parar na polícia

06/03/2018

 

Carro havia sido entregue numa “biqueira” (ponto de venda de drogas). 

 

 
 

A Polícia Militar de Marília na noite do último domingo, 04, um carro que oficialmente tinha registro de queixa por furto mas que, na verdade, se tornou num drama familiar. 

O veículo havia sido dado em garantia por um rapaz de 28 anos que comprou drogas e não tinha dinheiro. A família não sabia. Quem dirigia o carro acabou sendo detido, mas por sorte escapou do flagrante até que a Polícia Civil apure melhor o caso.

O veículo, um Celta, ano 20007, desapareceu da casa da família no sábado à tarde. Todos acreditavam que havia sido furtado e, por isso, foi registrada ocorrência na polícia. No dia seguinte, os policiais militares em patrulhamento pela zona Sul, abordaram o carro ocupado por uma pessoa que seguia em direção a favela do Tóffoli.

O motorista, de 19 anos, desconversou, alegando que havia emprestado o carro de um conhecido seu pelo valor de R$ 70,00 e estava “dando umas voltas”. A versão dele não convenceu ninguém e o caso foi parar na Central de Polícia Judiciária, onde tudo indicava que seria feito flagrante por furto.

Mas, depois chegou a família e, na conversa, descobriu-se o drama familiar: o carro havia sido entregue numa “biqueira” (ponto de venda de drogas) já que o dono não tinha dinheiro para sustentar o seu vício.

Diante disso, o delegado de plantão entregou o carro ao verdadeiro dono e registrou a ocorrência, liberando o suspeito. A DISE vai intimar o responsável por toda essa confusão para prestar esclarecimentos.

 

Conteúdo: Visão Notícias

 

 

Fique sempre por dentro das  Notícias em Santa Cruz atualizadas diariamente através do aplicativo ACHEI SANTA CRUZ , basta clicar na imagem abaixo que você será redirecionado a loja de aplicativos de seu smartphone!

 

Notícias Relacionadas